O dia que Athenas parou…

Para nós, mas um dia para turismo por Athenas, saímos do hotel em direção ao Panathinaikon Stadium, o estádio olímpico Greco, umas fotos daqui e outras dali e paramos na estação a espera do ônibus de turismo, daqueles que já comentamos aqui e que sempre fazemos os passeios…
Estádio Olimpico – berço da 1ª Olimpiada

Passou 15min do horário, passou 30min do horário e quando deu quase 1h de atraso e nada do ônibus, desistimos e saímos caminhando por Athenas, foi quando começamos a perceber  um grupo de polícia aqui, outro grupo de polícia ali, mais um grupo de polícia de choque acolá (polícia com aqueles escudos de acrílico + máscaras anti-gás), percebemos algo está acontecendo na cidade. As lojas começaram a fechar as portas, as ruas foram sendo interditadas pela polícia, estações de metrô fechadas, alguns avisos em prédios público (escritos em grego, o que não nos ajudava, mas no meio do aviso tinha um horário 8:00-13:00, acreditamos ser o horário de funcionamento de hoje), foi aí que concluímos algo sério vai acontecer na cidade, MEDO !

Policia de choque

Bem, pensamos em procurar o hotel, mas fizemos uma pausa e subimos até o monte Agios Georgios onde tem uma capela e uma incrível vista de toda Athenas, de lá percebemos como a cidade é gigante ! E também como a cidade estava deserta, lá de cima se via as principais avenidas vazias, realmente é hora de ir para o hotel, ainda mais porque uma mega chuva despencou sobre Athenas…

Athenas do alto !

Só conseguimos ir de taxi até um local próximo ao hotel, já que as ruas estavam interditadas, e no trajeto descobrimos o porque de tanta polícia na rua, hoje é 17 de novembro é um dia de revolta no país, neste dia em 1973 a universidade Politécnica de Athenas foi invadida por tanques e soldados e muitos estudantes foram mortos e daí resultou uma revolta que pós a baixo o governo militar na Grécia. Assim, desde 1973, no dia de hoje, ocorrem mega manifestações nas ruas, mega mesmo, passamos pelo meio da passeata e era gente (a maioria jovens) que não acabava mais, e pela quantidade de polícia na rua, e pela espessura (tipo taco de baisebal) das hastes das bandeirinhas que cada um levava na mão, uma certa confusão deve ser esperada ou habitual … E as manifestações de hoje são contra o FMI que está na Grécia verificando as contas dos empréstimos de quando o país quebrou em Maio e que desde então provou vários cortes salariais e a população tem sofrido bastante.

Desta vez sim, vamos pro hotel ! Até porque estava chovendo e a cidade fechada-parada…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s