Sevilla2

Sevilla, a capital da Andaluzia, uma cidade que guarda encantos e magias a cada esquina de seu labirintico centro, no meio de casinhas asobradadas e grudadas umas as outras sempre se acha uma torre de igreja ricamente ornamentada, por aqui a herança da arquitetura é mourisca e os azulejos sempre presentes adornam tanto as paredes interiores formando seus ricos desenhos geométricos, quanto algumas belas cúlupas de igreja. 

Ruelas do centro

Rodrigo É caro

Mas falando em igreja, a catedral de Sevilla é de arrepiar ! Primeiro que é uma mistura de estilos, a catedral ocupa o lugar de uma antiga mesquita do século 12, e com várias ampliações, ganho o estilo gótico como principal e levou mais de um século para ficar 100% concluída, se é gótico, nem precisa falar que o pé direito é beeeem alto ! Na lateral da catedral, encontra-se La Giralda, a torre dos sinos da catedral, passou por 4 remodelações até o estilo e altura de hoje, 98metros, que agente sobre através de rampas internas, ufa, cansa !

Catedral de Sevilla

Impressionante interior gótico - catedral de Sevilla

Sevilla do alto de La Gironda

 

Catedral + La Gironda

 Logo em frente a catedral fica o Real Alcázar, foi inicialmente construído por Pedro I para ser residência real, e depois disso passou por mais 4 ampliações e remodelações nas mãos de outros reis, o povo adorava uma remodelação-ampliação, o mercado de arquitetura de interiores devia ser muito bom aqui em séculos passados ! Imagina só, o cliente é o Rei, é por isso que construíam essas maravilhas, o Rei mandou, quem é que vai desaprovar o orçamento ?

Real Alcázar

Voltando ao Alcázar, é um palácio maginifico ! Todo ornamentado na arquitetura mourisca, ou seja, nos lembrou em muito o Marrocos, mas por aqui, muito mais rico e ornamentado do que lá… Além do palácio, o Alcázar contempla um enorme e lindo jardim interno + vários pátios com fontes.

Real Alcázar - um dos pátios internos

seguindo o caminho do mapa e das ciclovias ! Viva as ciclovias e as bikes de aluguel ! Chegamos ao Parque María Luisa no final da tarde, e não poderia ter sido hora melhor para chegar na Plaza de España, no coração do parque, todo construído em tijolos vermelhos aparentes + a luz do por do sol = o prédio estava magnificamente dourado, sem comentários, as fotos não representam 30% da beleza do local, não atoa que classificamos essa praça no Top5 do post anterior !

Plaza de España

Plaza de España

Não encontramos com nenhuma mulher vestida com as tradicionais roupas de dança flamenca andando pelas ruas, e nem fomos a nenhuma apresentação de dança flamenca, mas os trajes são vendidos em qualquer esquina nas banquinhas de souvenirs, vai ver que esses trajes são só para a época das touradas que em Sevilla ocorrem de abril a setembro.

Olé ! Não teve tourada, mas teve visita a Plaza de  Toros, um grande picadeiro, fiquei impressionado como o público fica tão perto do touro ! E das curiosidades locais:

* se um toureiro morre, o próximo toureador TEM de matar o touro
* se o touro mata dois toreador, mata-se o touro, a mãe do touro e os outros touros irmãs, acham que o sangue desta família é amaldiçoado
* pode-se dar uma das orelhas do touro como troféu ao toreador
* o pagamento é feito antes do toreador entrar no picadeiro, afinal, nunca se sabe se volta-se ou não de lá…

Plaza de Toros

Sevilla, as margens do rio Guadalquivir ficará na memória e no coração, assim como os namorados que prendem seu amor com cadeados na ponte Isabel II !

Cadeados na ponte Isabel II

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s